Home » Liturgia » Evangelho (Lc 14,15-24)

Evangelho (Lc 14,15-24)


Administrador A.O. | 6 novembro, 2018

COMPARTILHE ESTA PAGINA


Tendo ouvido isso, um dos que estavam junto à mesa disse a Jesus: Feliz quem come o pão no Reino de Deus! Ele respondeu: Alguém deu um grande banquete e convidou muitas pessoas. Na hora do banquete, mandou seu servo dizer aos convidados: Vinde! Tudo está pronto. Mas todos, um a um, começaram a dar desculpas. O primeiro disse: Comprei um campo e preciso ir vê-lo. Peço que me desculpes. Um outro explicou: Comprei cinco juntas de bois e vou experimentá-las. Peço que me desculpes. Um terceiro justificou: Acabo de me casar e, por isso, não posso ir.

O servo voltou e contou tudo a seu senhor. Então o dono da casa ficou irritado e disse ao servo: Sai depressa pelas praças e ruas da cidade. Traze para cá os pobres, os aleijados, os cegos e os coxos. E quando o servo comunicou: Senhor, o que mandaste fazer foi feito, e ainda há lugar, o senhor ordenou ao servo: Sai pelas estradas e pelos cercados, e obriga as pessoas a entrar, para que minha casa fique cheia. Pois eu vos digo: nenhum daqueles que foram convidados provará do meu banquete

Meditação:  Venham, pois tudo está pronto

O Reino de Deus é, antes de tudo, uma oferta de Deus, um oferecimento gratuito. Aceitar o convite, ir à festa é a parte dos convidados. Mas, a primeira leva de convidados recusou o convite, com desculpas de todo tipo. Essa recusa deixou o dono da casa muito triste.

Mas, foi oportunidade para outro tipo de convidados: os pobres, os pecadores. De fato, Jesus constatava que as prostitutas e os cobradores de impostos, a ralé da sociedade judaica, estavam entrando no Reino de Deus e os fariseus e escribas dele se esquivavam. A entrada no Reino de Deus é a acolhida do convite feito pela evangelização. Aceitar o Reino é o mesmo que converter-se, isto é, colocar a própria vida na direção do amor de Deus.

A primeira leva de convidados não compareceu. Estes, na parábola, foram os piedosos do tempo de Jesus. A grande maioria do povo da antiga aliança refugiou-se em seus preconceitos e desculpas, e não aceitou o convite de Jesus para tomar parte na grande festa do Reino de Deus.

A segunda leva de convidados, foram os pobres de Israel, foram esses que aderiram de maneira especial ao ministério de Jesus. Eles estão representados pelas quatro categorias: pobres, coxos, cegos e aleijados.  A terceira leva, recolhida pelas estradas e atalhos são os convertidos através da evangelização fora de Israel, pelo trabalho dos missionários, mundo afora.

Jesus comparou o Reino de Deus com o banquete que um pai de família preparou e para o qual convidou muita gente. Os primeiros convidados não compareceram. Esses faltosos alegaram razões para sua ausência: compras, trabalho, casamento. Foram, então, convidados os pobres. E, depois, mais gente ainda foi chamada para a festa. A casa ficou cheia. Essa palavra  m    hoje é pra você. A festa está pronta. O banquete está na mesa. Deus manda chamar você, ele o espera. Não invente desculpas, não faça ouvidos de mercador.

Pe. João Carlos Ribeiro

Deixe um comentário

Current month ye@r day *